10 dicas para ter contas no azul e levar uma vida mais leve:

Resultado de imagem para finanças

Olá meus amores, tudo bem com vocês?

Trago hoje para vocês, algumas dicas para ter  contas no azul e levar uma vida mais leve.

Todos nós somos tentados todos os dias pelo canto da sereia do consumismo desenfreado. Sempre surge um novo carro, um novo empreendimento imobiliário,  uma nova moda, e pronto ,tudo o que você tem se torna velho e ultrapassado. Será?

Não, mas é isso que o mundo quer lhe vender. É apenas isso, venda. Você não vai ficar mais bonito, saudável e feliz no carro novo, na casa nova e na roupa nova, pois a sua essência estará lá. Outra mentira é dizer que algo está ultrapassado,  só porque tem algo novo. Muitos carros antigos tem um motor melhor que os novos, apartamentos antigos tem uma planta mais amplas e roupas antigas tem tecidos melhores. Ou seja, fique atento para identificar essas ciladas do capitalismo.

Resultado de imagem para finanças

Agora como ter uma vida tranquila e longe das dívidas dentro de uma sociedade consumista?

Primeiro: use um papel e um lápis. Some tudo o que você ganha e tudo o que você gasta. Você só poderá ter uma vida leve e criar alguma riqueza se o que ganhar for maior do que o que você gasta. Simples não?  Mas parece que não é. A grande maioria das pessoas não querem abrir mão do que tem para ter um carro mais barato e uma casa num bairro mais simples. E aí o que ocorre? Vive-se uma vida para os outros, enquanto você vende o almoço para pagar o jantar. Tenha uma poupança e coloque ao menos 10% do que você ganha lá todo mês. Deposite assim que você receber. Se estiver muito endividado, deposite 5%, mas deposite religiosamente.

Segundo: cerque-se de pessoas simples e austeras. Manter um estilo de vida perdulário só irá te levar cada vez mais pro buraco.

Terceiro: tenha carinho pelo dinheiro, gaste com o que é necessário e edificante. Muitos não se importam em gastar duzentos reais numa balada, entretanto acham duzentos reais caro para um curso ou duas sessões de terapia.

Quarto: faça programas ao ar livre.  Duas horas de caminhada num parque ou numa praia é muito mais saudável para o corpo e para o bolso do que as mesmas duas horas num bar ou numa sala de cinema.

Quinto: Espiritualize-se. Nesse mundo estressante em que vivemos, eh fundamental ter um templo para ouvir boas palavras e pensar no bem. Oração e meditação ajudam a combater o estresse, a ansiedade e a depressão,  o que diminui o ímpeto consumista.

Sexto: Redescubra a sua casa. Numa sociedade por vezes cara e violenta, passar um dia de folga em casa vendo um filme, jogando,lendo, estudando e namorando é sempre uma ótima opção. Almoços, jantares ,happy hours e um cafezinho podem e devem ser feitos em casa.

Sétimo: privilegie as datas especiais para ir a um restaurante, hotel ou viajar. Além de ter um valor simbólico que compense o gasto a mais, fará você valorizar mais a data e o dinheiro investido lhe dando a sensação de recompensa e dever cumprido.

Oitavo: Tenha uma renda extra. Em época de Mary Kay e uber, só não ganha um dinheiro a mais quem não quer.

Nono: Pague a vista ou no boleto. O cartão de crédito deve ser evitado a todo custo. São as maiores taxas de juros do mercado junto com o cheque especial que deve ser evitado também.

Uma boa dica é ter uma conta poupança fazendo o papel da conta corrente. Transfira o que você ganha para esta conta e você não irá cair na tentação de usar o cheque especial ou o cartão de crédito e gastará só o que tem.

Décimo: Renegocie as suas dívidas.  Procure saber qual era a sua dívida inicial e procure fechar um acordo próximo daquele valor, ou seja sem os juros. Pode parcelar,  com um valor que não comprometa o seu orçamento. Uma outra opção é recorrer a um parente que possa lhe emprestar. Mas por favor, pague.

Fonte: O Segredo

E ai amores, o que vocês acharam das dicas? Deixe aqui nos comentários, a opinião de vocês.

Beijinhos e até o próximo post.

2 comentários