Seja gentil no momento a dois: com ou sem obscenidades?

Oi, minhas queridas! Como você estão?!

Hoje, eu começo o post com o seguinte pensamento: palavrões atiçam o desejo, mas o que realmente os homens e mulheres gostam de ouvir na hora da relação?Na hora de optar por brincadeirinhas mais pesadas, lembrem-se que os dois devem gostar, caso o contrário, nada de inventar moda. Certo?!

Tome cuidado, se não ..

 

     Para alguns casais, o que é dito na cama pode tornar relação sexual  mais prazerosa, como sussurrar algumas sacanagens para atiçar as vontades. Porém, especialistas da área apontam a necessidade dos parceiros estarem em sintonia, para que tais situações não provoquem constrangimento. Em entrevista ao portal IG,  a sexóloga Márcia Mathias, explica que até a década de 1980, falar obscenidades durante a relação sexual era uma preferência tipicamente masculina. “Hoje, esse desejo também permeia o universo feminino. Cerca de 40% das mulheres também gostam de utilizar tais expressões e, muitas vezes, isso não é bem aceito pelo parceiro”, afirma a sexóloga.

  1391733_178361562374248_1639262107_n

     A sexóloga ainda acrescenta que esse tipo de  deixa os homens inseguros. Eles se sentem submissos por perderem o controle, quando nós soltamos o verbo (risos) . “Com certeza, isso tem a ver com machismo. Mas antes de ser mal interpretada, é válido tentar ajustar essas fantasias, pois em muitos casos, quando a mulher se solta demais, o homem recua”, pontua a psicóloga.

     10846277_692926467472334_2371153281926864927_n

Vamos pensar sobre o assunto? E vocês, o que fariam neste tipo de caso?

Me escrevam nos comentários!! <3

Beijinhos!!

Seja o primeiro a comentar

  • Concordo com você, tem que ser uma coisa que os dois queiram. Aliás, tudo o que permeia a relação sexual deveria ser assim, né? Se for bom para os dois, se não constranger nem ofender ninguém, acho que tudo é permitido.
    E, se a mulher gosta de falar sacanagem, com certeza ela encontrará um cara de goste de ouvir e não se sinta menos "macho" por isso.

    Responder